HC recebe certificado Selo Verde de Pró-Sustentabilidade

(14/06/2011)  O HC da Unicamp é um dos primeiros hospitais no Estado de São Paulo e no país a receber o certificado Selo Verde de Pró-sustentabilidade. A destinação do reconhecimento foi para a Central de Esterilização de Materiais (CME) do Hospital que utiliza um sistema de esterilização, denominado ASP Sterrad, que em um ciclo de esterilização de material consome 51 vezes menos energia elétrica que uma autoclave. O certificado é emitido pelo Instituto Mais, uma instituição privada sem fins lucrativos dedicada à pesquisa e capacitação socioambiental.

 

A entrega do certificado ocorreu durante o II Encontro de Valorização e Atualização dos Profissionais em CME, realizado no auditório do DGA da Universidade em parceria com diretoria de Enfermagem da FCM e do HC e apoio das empresas Johnson & Johnson e Amcor. Segundo a enfermeira Kátia Maria Rosa Vieira (Foto), diretora da CME, o HC adotou desde 2004 o sistema Sterrad visando agilizar a esterelização de artigos odontológicos médico-hospitalares termosensíveis, sendo a primeira instituição a utilizar esta tecnologia no interior de São Paulo.

 

Os sistemas Sterrad oferecem uma tecnologia eficaz que protege e assegura os instrumentos, através de esterilizadores à baixa temperatura. Esta tecnologia realiza ciclos de esterilização sem emissões tóxicas, necessitando apenas de uma fonte de energia elétrica para funcionar. Patenteado pela Johnson & Johnson, o sistema possui milhares de unidades instaladas em todo o mundo. O modelo utilizado no HC é o Sterrad 100S, capaz de esterilizar até 51 bandejas de instrumentos cirúrgicos em 16 horas.

 

"Apesar de ser considerado um método bastante seguro, a esterilização à vapor em autoclaves gera um consumo médio de 400 litros de água e 17 KW de energia por ciclo", afirma Kátia. Já o ASP-Sterrad, que utiliza plasma de peróxido de hidrogênio como agente para esterilização não consome água e precisa de apenas 6% do total de energia consumida no ciclo à vapor. Para Kátia, a atual gestão da CME apresenta uma ampla preocupação com o meio ambiente, trabalhando sempre em busca de métodos sustentáveis que minimizem o impacto ambiental e garantam a esterilização de todos os materiais.

 

O II Encontro de Valorização e Atualização dos Profissionais em CME abordou temas atuais e de relevância para a atuação na área como o planejamento da aquisição e manutenção de equipamentos hospitalares, recomendações para o controle e a rastreabilidade de implantes ortopédicos, métodos que assegurem o processamento de endoscópios, além da abordagem voltada para o desenvolvimento pessoal, como a ética, as relações de trabalho e o perfil profissional desejado para atuar nesta área. Participaram do evento enfermeiros e técnicos de enfermagem da Região Metropolitana de Campinas e de diversas cidades do Interior do estado.

 

 

Caius Lucilius com Yasmine de Souza

Assessoria de Imprensa do HC Unicamp
Share/Save