Livro Reumatologia: Diagnóstico e Tratamento tem participação de docente da FCM

(12/05/2009) A 3° edição do livro Reumatologia: Diagnóstico e Tratamento contou com a participação de Manoel Barros Bértolo, chefe da Disciplina de Reumatologia da FCM e Coordenador de Assistência do HC/Unicamp. A edição teve ainda a participação de docentes da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) Marco Antônio P. Carvalho e Cristina Costa Duarte Lanna. “Foi uma iniciativa da editora Guanabara Koogon, do Rio de Janeiro, que tinha interesse em atualizar o livro para temas cada vez mais cotidianos. O primeiro contato foi com Marco Antônio, que havia participado das outras edições e me convidou para esta produção, que durou cerca de um ano”, conta Manoel Bértolo.

O lançamento ocorreu em outubro passado durante o XXVII Congresso Brasileiro de Reumatologia, realizado em Maceió e a publicação aborda a atualização dos diagnósticos e tratamentos de doenças reumáticas como Atrite Reumatoide, Lupus Eritematoso Sistêmico e Artrose. “Tudo que é novidade gera pesquisa e devemos colocar à disposição da comunidade”, diz Bértolo. Juntas as três doenças abordadas no livro representam apenas na Unicamp, cerca de 500 pacientes novos por ano, com destaque para a Artrite Reumatóide que tem registrado crescimento ano a ano na população em geral.

Graças ao avanço da ciência médica, novas doenças reumatológicas que até poucos anos não estavam classificadas, começam a fazer parte da rotina de consultórios e ambulatórios em todo país. Outras doenças alvo continuam a serem investigadas. Nesse cenário, os medicamentos representaram um grande avanço, pois a maioria evoluiu de drogas somente sintomáticas para drogas modificadoras da evolução de doença. “Não significa dizer que uma pessoa portadora de artrite ou lupus hoje, não venha a ter esses problemas no futuro, mas certamente a evolução da medicina em diagnóstico e tratamento estarão cada vez mais próximas da minimização dos impactos das doenças", ressalta o professor Bértolo.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Reumatologia no país estima-se que existam mais de 15 milhões de pessoas acometidas por doenças reumáticas. Ainda no Brasil, as doenças reumáticas representam a segunda causa de incapacidade física e afastamento temporário ou definitivo do trabalho. São cerca 120 formas de doenças reumáticas que podem ser agrupadas em doenças degenerativas, inflamatórias, auto-imunes, infecciosas, metabólicas e pós-traumáticas. O livro, voltado a alunos de graduação, clínicos gerais e reumatologistas, está sendo usado em importantes faculdades brasileiras como USP, Unicamp e UFMG. A aquisição pode ser feita diretamente na editora através do site www.editoraguanabara.com.br que é especializada em publicações médicas científicas.

 

Caius Lucilius com Marita Siqueira
Assessoria de Imprensa HC Unicamp

Share/Save